Fale Conosco

De acordo com o presidente da Unimed João Pessoa, Gualter Ramalho, nos últimos dias, a rede hospitalar da cooperativa registrou um aumento no número de atendimentos e internações de pacientes acometidos pela H3N2, caracterizando um surto da doença. Foram contabilizados mais de 1 mil atendimentos diários por suspeita de síndromes gripais.

“Estamos em surto de H3N2. Quando somamos os atendimentos presenciais dos Hospitais Urquiza e Moacir (Pediátrico) e os remotos (teleatendimento), chegamos a realizar 1000 atendimentos diários, entre suspeitos H3N2, H1N1 ou outros vírus influenza”, explicou o médico.

Com relação aos casos de Covid-19, Gualter Ramalho disse que houve alta de positivados para o coronavírus no Drive Thru. Um elevado número de atendimentos de casos suspeitos no Hospital Alberto Urquiza Wanderley também foi constatado.

“Contudo, até aqui, este aumento não impactou nas internações. Acreditamos que em função do avanço da vacina, até esta data, a maioria dos casos demandaram acompanhamento ambulatorial. Vamos nos manter alerta para eventual mudança no contexto”, completou.