Fale Conosco

Pesquisa comparativa para combustíveis realizada pela Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor encontrou o menor preço da gasolina oscilando entre R$ R$ 5,249 (Elesbão/Millenium – Água Fria) e R$ 5, 699 (Big – Tambaú), registrando alta de cinco centavos no menor e de 10 centavos no maior preço. O produto aumentou em 78 postos, reduziu em cinco e se manteve em 27 em relação ao último dia 10 de junho.

O menor preço do litro do álcool também registrou alta de 20 centavos em relação ao levantamento do dia 10 de junho, subindo de R$ 4,299 para R$ 4,499 (Rede São Luiz  – Água Fria), ao contrário do maior, que caiu de 5,524 para R$ 5,469 (Pichilau Gauchinha – Distrito Industrial). O preço do produto aumentou em 58 postos, se manteve em 43 e diminuiu em cinco locais em relação à pesquisa anterior.

O Procon-JP continuará a monitorar os preços dos combustíveis através das pesquisas comparativas e, segundo o secretário Rougger Guerra, o mesmo está ocorrendo com preço do botijão do gás de cozinha. “Estamos de olho nos preços desses produtos que estão chegando ao consumidor e esta semana, em especial, ao preço do álcool, que subiu 20 centavos. Caso se constate irregularidades, aplicaremos o rigor da lei”.

Diesel S10 – Quanto ao diesel S10, houve uma redução no menor preço desde a última pesquisa, que passou de R$ 4,299 para R$ 4,269 (Triunfo – Torre; Sim – Água Fria; Ale – Geisel, Auto Posto – Valentina e Expressão – Centro), com o maior subindo de R$ 4,780 para R$ 4,799 (Quadramares – Manaíra, Big e Select – Tambaú). Quando comparado ao levantamento da semana passada, o produto aumentou em 15 postos, reduziu em cinco e se manteve em 81.

GNV – O preços do Gás Natural Veicular (GNV) se mantêm desde o início de maio, com o menor em R$ 3,970 (Estrela – Geisel, Bancários – Bancários, Maxi Posto – Oitizeiro e Pichilau Ronaldão – Cristo) e, o maior,  em R$ 4,499 (Posto Z – Jardim Cidade Universitária). Dos 13 postos que comercializam o produto na Capital, um reduziu e 12 mantiveram em comparação à pesquisa anterior.

Variação – No levantamento de preços do Procon-JP desta semana nos 110 postos que estão em atividade na Capital, a maior média de variação encontrada para pagamento à vista foi no preço do álcool, 21,6%, com a menor variação registrada no preço da gasolina comum: 8,6%.