Fale Conosco

No dia em que completa 1.000 dias de Governo do presidente Jair Bolsonaro na Presidência da República, João Pessoa recebeu um evento do Ministério da Saúde, em que foi feito um balanço da gestão. A ação, realizada na Largo de Tambaú, contou com a presença do prefeito Cícero Lucena, que agradeceu a ajuda do Governo Federal no combate à pandemia da Covid-19.

“Infelizmente o ministro Marcelo Queiroga não pode participar por questões de saúde, mas estou muito feliz em receber toda a equipe e poder comemorar o quanto foi importante o fornecimento de vacinas por parte do Ministério da Saúde e a eficiência na aplicação de toda a equipe da saúde de João Pessoa, extensivo ao Estado, que convocou todos os municípios e eles corresponderam à ação. Então é um motivo de muita satisfação”, disse o prefeito.

Com Covid-19, o ministro da Saúde, o paraibano Marcelo Queiroga, não participou do evento. Ele foi substituído por Rodrigo Cruz, que está à frente da pasta temporariamente. Rodrigo aproveitou a ocasião para anunciar novas ações como a vacinação com dose de reforço para idosos acima de 60 anos e a distribuição de mais de 60 milhões de testes rápidos e RT-PCR até o fim do ano, totalizando 100 milhões de testes só este ano.

“Ao avaliar os dados a gente notou a necessidade de ampliar a dose de reforço para a população acima de 60 anos. Até então, a decisão era para que se imunizasse com a dose de reforço a população acima de 70 anos, mas a partir de agora vamos aplicar a dose de reforço em todos os brasileiros acima de 60 anos que tornaram a primeira dose há mais de seis meses”, explicou.

Quem também participou do evento foi o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque. Ele aproveitou para anunciar o Projeto Fosfato de Miriri, que será realizando nos estados da Paraíba e Pernambuco e terá um investimento de R$ 200 milhões.

“Esse investimento vai atender uma necessidade especial da agricultura brasileira, que são os fertilizantes. Apesar do Brasil ser um dos três maiores produtores de alimentos do mundo, nós ainda importamos muito fertilizantes, que aumentam muito o custo do alimento. Com esse investimento do Miriri, vamos reduzir o custo da alimentação para o brasileiro”, explicou o ministro.

No evento, o secretário especial adjunto do Ministério da Cidadania, Alexandre Reis, também entregou um veículo modelo furgão que será destinado à Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes).

Também participaram do evento o secretário Estadual de Saúde, Geraldo Medeiros, o secretário Municipal de Saúde, Fábio Rocha, a secretária executiva da mesma pasta, Rossana Sá, e o secretário Municipal de Desenvolvimento Social, Felipe Leitão.