Fale Conosco

Familiares de pessoas desaparecidas poderão procurar as cinco unidades da Polícia Federal (PF) na Paraíba a partir desta segunda-feira, para doar material genético. O material será incluído no Banco de Perfis Genéticos. O objetivo é auxiliar na identificação dos desaparecidos.

Na Paraíba, as coletas serão feitas entre os dias 14 e 18 deste mês, das 8h às 17h, nas unidades do Instituto de Polícia Científica em João Pessoa, Campina Grande, Patos, Guarabira e Cajazeiras, que serão pontos de coleta de material genético.

Os dados irão integrar uma rede nacional, e vai ajudar a identificar quando um corpo for encontrado em qualquer estado da Federação e seus parentes realizarem as coletas na Paraíba, por exemplo, o Banco vai apontar a confirmação do parentesco, ajudando a localizar as famílias dos corpos que a polícia não tem indício de identificação.

Mais informações e detalhes da campanha  podem ser esclarecidos pelo laboratório de DNA do IPC/PB, através do número (83) 3216-9650.