Fale Conosco

O advogado de Ruan Ferreira de Oliveira, motorista que atropelou e matou o motoboy Kelton Marques, de 33 anos no último sábado (11), pediu escolta para que seu cliente, que teve a prisão preventiva decretada, se apresente à polícia.

De acordo com Harley Cordeiro, o homem está sendo ameaçado de morte e por isso pediu garantias à Polícia Civil para que Ruan Ferreira se apresente às autoridades policiais e preste esclarecimentos sobre o caso.

O acidente aconteceu na madrugada de sábado, no Retão de Manaíra, em João Pessoa. O motorista dirigia a 163 km/h quando ultrapassou o sinal vermelho e atingiu a moto do trabalhador que fazia delivery na região. Kelton morreu na hora e Ruan fugiu do local sem prestar socorro. No interior do veículo, foram encontradas latas de cerveja e uma porção de maconha.