Fale Conosco

Em entrevista na noite dessa quinta-feira (1°) à uma emissora de rádio de Campina Grande, o Secretário-Executivo de Saúde da cidade, o médico cirurgião Gilney Porto, fez um balanço das ações do prefeito Bruno Cunha Lima (PSD) no combate a Covid-19. Em determinado trecho, ele admitiu que a gestão municipal paga ‘salários irrisórios’ para profissionais da saúde.

“Eu quero agradecer a todos os profissionais da saúde, inclusive os da vacinação que estão dando sangue para ver a população vacinada, mesmo com salários irrisórios, onde vemos que as pessoas estão ali dando o sangue mesmo, lutando por isso”, disse Gilney Porto.

Até pouco tempo, Gilney Porto era sócio do Dr. Tito Lívio Vieira de Souza e Cavalcanti (cunhado de Bruno) na empresa T&G Consultório Médico LTDA – ME (CNPJ n° 30.557.090/0001-87). Tito é o atual diretor do Hospital Municipal Pedro I.

Ouça a declaração a partir dos 05 minutos e 30 segundos: