Fale Conosco

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) recebeu uma denúncia de que a Prefeitura de Campina Grande estaria firmando contrato com profissionais da educação a nível fundamental sem a realização de concurso público. O MPPB investigará, nos próximos dias, a veracidade da informação e entrará com ação contra o município caso a denúncia seja confirmada.

O gestor do município, Bruno Cunha Lima, chegou a anunciar a abertura de concurso público para Educação ainda no final de 2021, porém não divulgou quantas vagas seriam destinadas para a pasta.

De acordo com a promotora de Justiça, Elaine Cristina Pereira Alencar, é “melhor apurar os fatos, individualizar as irregularidades acaso ocorrentes, colhendo em conjunto elementos e provas para embasar eventual posterior Ação Civil Pública”.

Em conformidade com o sistema do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB), a Prefeitura de Campina Grande apresenta uma lista com 662 professores contratados, com salários que vão de R$ 652,80 a R$ 2.369,60.

Confira aqui o documento do MPPB.