Fale Conosco

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP), em entrevista ao Estadão publicada nessa sexta-feira (10) revelou detalhes de como o presidente Jair Bolsonaro confirma a fama de quem não gosta de trabalhar.

Ela, que é bolsonarista arrependida e hoje não tem mais nenhuma relação com o presidente, afirmou que Bolsonaro tem até uma cama em uma “salinha da soneca” no prédio oficial do governo.

“Ele [Bolsonaro] tem uma caminha dentro do Palácio. Tem a sala dele da Presidência oficial, tem uma salinha do lado onde ele come, almoça, toma café e ele mandou botar uma cama num quartinho ao lado e fez um ‘quartinho de soneca’. Ele dorme! Ele dorme todo dia dentro do Palácio do Planalto”, contou.

Na entrevista, a deputada ainda confirma que o presidente só trabalha no máximo duas horas por dia: “É um negócio surreal, se você pegar a agenda oficial dele e contar quantas horas ele desempenha o papel dele, além de ficar enchendo a paciência nas redes [sociais], dão no máximo duas horas por dia para decidir nada”, completou a parlamentar.

Joyce chegou a ser líder do governo na Câmara. Na entrevista, ela comentou sobre o arrependimento que sente ao ter apoiado o presidente: “Ele é realmente louco, desequilibrado, não consegue conviver com as diferenças, não consegue conviver com alguém que o confronte minimamente, com diferença de opiniões e nem com diferenças de sexo, de gênero. Não consegue, é demais para ele”, disse.