Fale Conosco

O secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros descartou algum tipo de punição para os chamados ‘sommelier de vacina’, que são aquelas pessoas que vão aos postos de vacinação para escolher o fabricante do imunizante contra a Covid-19. Ele explica que a gestão estadual foca em convencer o cidadão a tomar a vacina, apresentando toda a comprovação da eficácia dos imunizantes utilizados no Brasil, e não em aplicar medidas punitivas.

“Minha opinião é que num momento como esse de pandemia é que o confronto não é atitude ideal. Temos que trabalhar para convencer essas pessoas que estão resistentes. O ato de não se vacinar é mais arriscado do que não se vacinar. Não tem por que se questionar. O mundo inteiro está se vacinando. Todos temos que nos vacinar”, pontuou.

Em outros Estados brasileiros, algumas cidades já adotaram medidas para as pessoas que negarem a aplicação da vacina em razão do fabricante colocando-as, por exemplo, no final da fila de imunização. Geraldo Medeiros reitera que o melhor caminho é conscientizar povo sobre a efetividade e a importância da vacinação.