Fale Conosco

Quando o empresário dá lugar ao artista, Filipe Gaudêncio não só muda o sobrenome, passando a assinar como Filipe Rossi, mas assume uma persona irreverente, que homenageia dignamente o cantor Reginaldo Rossi. Em entrevista ao programa 360 graus desta sexta-feira (16), Filipe, que sempre foi apaixonado pelo universo musical, conta sobre o nascimento do personagem, que já é sucesso nas redes sociais.

A música entrou na vida de Filipe Gaudêncio desde os 12 anos de idade. Sanfoneiro, toca mais de seis instrumentos musicais. Desde jovem, imitava Reginaldo Rossi entre familiares e amigos, até que um dia a página oficial de Reginaldo Rossi repostou um de seus vídeos. A partir daí a brincadeira ganhou ares de seriedade e ele passou a ser convidado para fazer algumas apresentações.

Bem sucedido nos negócios, o empresário é sócio proprietário da maior rede de academias da Paraíba, a Korpus. Ele revela que sua empreitada musical sofreu um pouco de preconceito no início. Algumas pessoas não achavam pertinente que Filipe exibisse seu lado artístico e imitador de Reginaldo Rossi. “Eu não sabia que era pecado a arte. Eu não sabia que era pecado você se divertir e cantar”, desabafa.

“As pessoas estão vivendo uma rotina. As pessoas esquecem que, para realizar um hobby, para aprender algo novo, não precisa de muita coisa: a atitude”, completa. O lado Rossi, que antes aparecia somente aos fins de semana, agora possui uma agenda repleta de compromissos. Além de imitar a aparência e voz, a qual ele diz ser impossível pois é um timbre único, do rei do brega, Filipe se aprofunda em sua história de vida e tenta trazer novamente aos palcos a alma de Reginaldo.

Em seu repertório, Filipe Rossi inclui músicas presentes num dos últimos trabalhos de Reginaldo Rossi, intitulado “Cabaré”. Quando a pandemia acabar, sua intenção é realizar vários shows com o personagem. “É uma paixão, eu gosto, é um hobby. Se você tem uma paixão, um hobby, faça, realize. Porque, às vezes, quando a gente vai fazer algo diferente, nos chamam de louco. Mas os loucos realizam e os normais só assistem”, encoraja.

Para animar a sexta-feira, Filipe Rossi cantou alguns dos maiores sucessos do rei no 360 graus. Assista abaixo: