Fale Conosco

O vereador Ailton Paulo de Souza, do município de Taperoá, afirmou através de nota enviada ao blog que jamais ameaçou o empresário Daniel Cosme Guimarães, proprietário da New Life Distribuidora.

Daniel disse que foi vítima de um golpe que custou a sua empresa, New Life Distribuidora de livros, nada menos que R$ 2,3 milhões devido a uma operação financeira, onde a prefeitura de João Pessoa, à época ocupada pelo hoje governador da Paraíba, Ricardo Vieira Coutinho (PSB), efetuou um pagamento e o mesmo jamais foi depositado em sua conta corrente. Além disso, o empresário afirma ter sido ameaçado por Pietro, após procurar o mesmo para receber o pagamento pela venda dos livros e pelo vereador do município de Taperoá, Ailton Paulo de Sousa.  

 

NOTA DE ESCLARECIMENTO:

 

AILTON PAULO DE SOUZA, brasileiro, casado, odontólogo, portador do RG nº 921570 SSP/PB, CPF/MF nº675.711.904-87, Vereador no município de Taperoá-PB, vem a público esclarecer quanto aos fatos que noticiam nos mais diversos endereços de sites na internet, de que praticou ameaça contra a pessoa de Daniel Cosme Guimarães Gonçalves, empresário, proprietário da empresa New Life distribuidora de livros, os quais estão a merecer os devidos esclarecimentos:

Inicialmente registro como inexistente e indevido dito ato ameaçatório;

Nunca pratiquei tal ato, nem mesmo faço uso desta conduta, pois vivemos no país democrático, e tal ato configura-se como crime, merecendo ser rechaçado pelos órgãos públicos próprios;

Nesta seara, nunca fui procurado pelo Sr. Daniel, seja mediante processo judicial ou mesmo extrajudicial, nem mesmo por qualquer autoridade pública competente, inexistindo qualquer fato desabonador na minha conduta com pessoa, seja no âmbito pessoal/privado, como também no âmbito público, na condição de Vereador do município de Taperoá-PB, ao que sou reconhecido pela população, gozando de prestígio e credibilidade.

Ora senhores, exerço a profissão que me habilitei ainda como jovem de profissional da saúde, odontólogo, bem assim, como vereador na minha querida Taperoá, tendo este por respaldo do sufrágio das urnas de 2008, da vontade popular.

Pratico meus atos sempre empenhando dedicação e zelo, motivo pelo qual fico, desde já, disposto a realização de qualquer acareação, e a disposição da sociedade e dos órgãos públicos para prestar novos esclarecimentos.

Por fim, requeiro, por gentileza, que seja realizada a divulgação deste Nota na mesma proporção que divulgaram a notícia, da qual estarei consultando meu advogado para as providências cabíveis, tendo em vista ficar claro seu caráter caluniante, e, ainda, causando constrangimentos indesejados, suscetíveis do devido reparo.

Taperoá-PB, aos 07 de outubro de 2011.

Ailton Paulo de Souza.