Fale Conosco

Uma retificação na nota nota técnica conjunta n.2, referente à vacinação contra a Covid-19 na Paraíba, incluiu trabalhadores das secretárias de saúde estadual e municipais, além de acadêmicos em saúde e estudantes da área técnica da saúde entre os grupos prioritários para a vacinação. A alteração foi aprovada pela Comissão Intergestores Bipartite (CIB) e publicada no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (11).

O novo texto prevê a imunização de funcionários da Secretaria Municipal e Estadual de Saúde, a exemplo de: recepcionistas, coordenadores, setor de regulação, sistemas de informação, planejamento, gestão, auxiliares de serviços gerais, segurança, motoristas, etc. Acadêmicos em saúde e estudantes da área técnica da saúde em estágio hospitalar, atenção básica, clínicas e laboratórios também ganharam direito a vacinação.

Esses grupos entraram na posição 1.10 da nota, ou seja, estão em décimo lugar na fila do primeiro grupo prioritário. A nota refere-se ao uso das 36 mil doses da vacina Astrazeneca, recebidas em 24 de janeiro, que na época havia sido publicada sem a inclusão das novas categorias.