Fale Conosco

 

É engraçado, execrável, inadmissível e não recomendável, mas uma chantagem pode trazer a PEC 300 de volta a pauta do dia no Congresso Nacional. E adivinhem quem é o chantagista chefe? O ex-governador e deputado membro da bancada evangélica, Antony Garotinho. O próprio. 

E o argumento desse deputado que só tem de garotinho o nome é o seguinte: ou trazem o Palocci para esclarecer a riqueza súbita ou a PEC 300 volta à pauta. 

Isso tem um lado bom e um lado ruim. O lado bom é que se Palocci não comparecer ao Congresso os policiais saem no lucro e o piso proposto pela PEC vai acabar passando na pressão e com polícia bem paga o cidadão fica mais protegido. 

O lado ruim é que se a PEC voltar à pauta significa que o Palocci escapou de explicar de onde veio aquele crescimento patrimonial fantástico. 

Gostaria de ver as duas coisas acontecendo, mas se o preço da PEC for a cabeça do Palocci que seja, pois a população não agüenta mais tanta violência e Polícia desmotivada. 

Se essa chantagem for copiada por aqui, e se o governador se negar a oferecer explicações aos deputados na Assembléia, sugiro que alguém apresente outra PEC 300 e os parlamentares aprovem por unanimidade.