Fale Conosco

Atenção Conselho Regional de Contabilidade. Virou quitanda de Dona Xepa a falsificação de balancetes aqui na Paraíba e algumas agências de publicidade estão pagando a peso de ouro quem se dispuser a transformar água da Cagepa em vinho do Porto.

Explico: a proximidade do edital da Secom aqueceu o mercado de fabricação de balancetes e tem agência que saiu do vermelho para o verde num só insert contábil.

É que o edital prevê em uma clausula a exclusão de quem não tiver um balanço financeiro no exercício 2010 com pelo menos 200 mil reais de receita líquida.

Como certas figuras são habituês em declarar menos para fugir do Leão do Imposto de Renda ou então porque a empresa é só uma locadora de nota fiscal, o desespero é grande. E a fraude contábil também.

É bom que o TCE fique logo sabendo que nesta licitação da Secom tem balancete mais maquiado do que Drag Queem em final de festa.

Tenho dito: até o final do ano um membro do Coletivo RC vai ser preso.