Fale Conosco

O prefeito de São Bento, Jarques Lúcio (Cidadania), revogou o decreto que autorizava festas no município após a realização de um show que reuniu milhares de pessoas sem máscaras no Estádio Municipal Pedro Eulâmpio da Silva, conhecido como “O Pedrão”. Em nota, a gestão municipal explicou que o evento não obedeceu as regras sanitárias que objetivam diminuir a proliferação da covid-19.

Por isso, o novo decreto, de nº 1.235/202, proíbe a realização de novos eventos culturais e de entretenimento que possam gerar aglomeração, notadamente shows e demais apresentações artísticas.

“A liberação condicionada da realização de eventos culturais e de entretenimento se deu no intuito de conciliar a proteção à saúde com a proteção ao emprego e renda e, sobretudo, atendendo ao pleito de um segmento do qual dependem mais de 500 famílias na nossa Cidade — composto por músicos, garçons, seguranças, produtores, sonorizadores, pequenos comerciantes de bebidas e lanches, ambulantes, dentre outros —, que estavam há mais de 8 meses sem poder trabalhar e sem nenhuma renda”, argumenta a nota, destacando que por conta dos indícios de descumprimento das medidas sanitárias “a responsabilidade pela desobediência e descumprimento será apurada pelos meios institucionais”, alerta.

Segundo o Boletim de Saúde divulgado nas últimas 24h, a cidade conta com mais de 3.665 casos confirmados e mais de 40 mortes, e a ocupação de leitos em torno de 30%.