Fale Conosco

Os candidatos ao Governo e Senado pelo PSOL, Tárcio Teixeira e Nelson Júnior, anunciaram nesta sexta-feira que estão finalizando levantamento de dados que, segundo eles, comprovam a existência de esquema de doação de campanha para ocandidato do PSB, Ricardo Coutinho, coincidindo com datas posteriores de aplicação de isenção fiscal por 15 anos à empresa doadora.

Há, ainda, a constatação na segunda prestação de contas parcial ao Tribunal Regional Eleitoral a participação financeira da VIA Engenharia na campanha do socialista no valor de R$ 1.743.544,00, sendo a empresa responsável pela construção de Centro de Convenções.

De acordo com os dois candidatos, a empresa Elizabeth Porcelanato Ltda doou R$ 500.000,00 no dia 15 agosto do ano em curso, conforme segunda prestação de conta parcial na Justiça Eleitoral, ao tempo em que outras duas firmas do Grupo, Elizabeth Cimnentos Ltda e Elizabeth Mineração Ltda são favorecidas com renúncia fiscal publicada no Diário Oficial do Estado em 6 de setembro de 2014, mesma data em que a Intercement – antiga Cimpor aparece também beneficiada pelo FAIN sendo ela doadora de R$ 200.000,00.

– Estamos concluindo o levantamento de novos dados para formalizar junto ao Ministério Público Eleitoral um pedido de investigação porque entendemos se tratar de uma negociação casada entre doação de campanha privada e beneficio fiscal público consolidando um crime eleitoral, que exige rigorosa apuração da Justiça Eleitoral – declararam.

Segundo eles, “esta é mais uma comprovação de que na prática o candidato e atual governador Ricardo Coutinho se utiliza dos instrumentos legais de Governo para reforçar seu Caixa de campanha de forma claramente comprometedora em relação ao interesse púbico, portanto, a sociedade paraibana precisa se advertir contra os maus exemplos adotados por quem pousa de paladino da Justiça mas compromete o bem público em troca de apoio para sua campanha”
Com WSCOM