Fale Conosco

Não há no tabuleiro de xadrez político uma pré-candidatura à governador mais bem posicionada do que a do prefeito Luciano Cartaxo.

É o melhor nome disparado do grupo que integra e que tem nos senadores Cássio e Maranhão seus avalistas, mas também se viabiliza como candidato do governador Ricardo Coutinho.

É como se Cartaxo tivesse recebido duas cartas e tivesse colocado uma em cada manga, podendo sacar uma delas a depender das movimentações de bastidores.

Por exemplo, a continuar a movimentação do senador Cássio e aliados, que se revezam no lançamento do nome do senador para o governo e o próprio Cássio agindo como pré-candidato, não restará ao prefeito Cartaxo    iniciar as articulações para ser o nome que na base do governo está faltando.

Noto que Cartaxo prefere esticar a corda dentro da aliança PSD/PMDB/PSDB, objetivando definições de papéis, mas tenho visto RC e Cartaxo cada vez menos adversários.

Em caso de precipitação e rompimento do pacto, não vejo em Cartaxo um elemento que tenha contribuído para o fim da aliança. 

Pelo contrário, o prefeito tem dado aos aliados o que o cacife de cada um projeta.

São as insinuações e açodamentos os culpados dos olhares além aliança e se Cartaxo acena e aceita acenos é por precaução.

Dércio Alcântara