Fale Conosco

Em nota divulgada na tarde desta quarta-feira, 13, o senador Cássio Cunha Lima (PSDB), candidato da Coligação A Vontade do Povo, expressa seu profundo pesar pela morte prematura do seu amigo Eduardo Campos, ex-governador de Pernambuco e concorrente ao cargo de Presidente da República nas eleições deste ano.

            Segue a nota, na íntegra:

NOTA DE PESAR

Estou profundamente abalado com essa tragédia que se abateu sobre o País. Perdi um grande amigo, mas sobretudo perdemos um dos mais brilhantes políticos dessa nova geração. Testemunhei em Eduardo, nos meses anteriores à campanha presidencial, uma visão privilegiada do Brasil e de seus problemas, um foco e dedicação incomuns para a superação dos desafios de nosso país. 

         Lamento pelo Brasil, que perde um de seus líderes. Lamento pelo Nordeste, que perde um de seus porta-vozes mais autorizados. E lamento por todos os que, como eu, tiveram o privilégio que eu vivi de conhecer Eduardo Campos, um líder sempre antenado com nosso tempo e com o futuro, mas sem jamais perder de vista suas raízes políticas essencialmente populares, voltadas para quem os que pouco ou nada têm.

         Estendo meus sentimentos de pesar a todos os ocupantes da aeronave e seus familiares, e as minhas condolências, especialmente para Renata, companheira de toda uma vida, e os filhos, Maria Eduarda, João, Pedro, José e Miguel.

         Eduardo nos deixou tragicamente no mesmo dia 13 de agosto da morte de seu avô Miguel Arraes. Até o destino sublinhou como os dois foram semelhantes, inclusive na incrível capacidade de ambos de despertar esperança mesmo quando os horizontes parecem mais sombrios. Siga em paz, Eduardo. O Brasil chora sua morte. Mas aplaude sua vida.