Fale Conosco

O petista Anísio Maia ganhou a queda de braço com o PT nacional e o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB). O juiz da 64ª Zona Eleitoral, Fábio Leandro de Alencar Cunha, homologou o registro da Coligação “Unidos por João Pessoa” (PT/PCdoB). A decisão não só mantém Anísio como candidato a prefeito pelo PT, como determina a saída da legenda da Coligação “A força do povo”, encabeçada por Ricardo Coutinho, do PSB, e que tinha como vice, petista Antônio Barbosa.

“Declaro a regularidade dos Atos Partidários da Coligação “Unidos por João Pessoa”, formada pelos partidos PT e PCdoB, estando habilitada para disputar o cargo de Prefeito e Vice-Prefeito, nas eleições de 15 de novembro de 2020”, afirma o juiz, que ainda oficializa na decisão a exclusão da candidatura de Ricardo Coutinho.

“Em face desta decisão, exclua-se da coligação “A força do povo” o candidato a vice-prefeito Antônio Barbosa Filho, por ser filiado do PT, partido este que possui candidato próprio a prefeito e vice-prefeito na coligação “Unidos por João Pessoa”, reconhecida como regular pela Justiça Eleitoral, devendo-se intimar o representante da coligação “A força do povo”, para a devida substituição do candidato a vice-prefeito de sua chapa”.