Fale Conosco

Mais um ato com o objetivo de prevenir e combater a corrupção será realizado na Paraíba pelo Núcleo de Apoio aos Estagiários dos Advogados do Brasil – Seccional Paraíba (NAE-PB) e pela Associação Paraibana de Imprensa (API), além de vários segmentos da sociedade civil. O Dia Internacional de Combate à Corrupção, 09 de dezembro, será marcado em João Pessoa (PB) com a instalação de uma “tribuna popular” na Praça dos Três Poderes, centro da capital paraibana, onde a população terá vez e voz para fazer suas denúncias.

A Convenção das Nações Unidas contra a Corrupção foi assinada por diversos países em 9 de Dezembro de 2003, na cidade de Mérida, no México. A idéia central é fortalecer a cooperação internacional para ampliar a prevenção e o combate à corrupção no mundo todo.  Em referência a essa data, o 09 de Dezembro foi então instituído como Dia Internacional contra a Corrupção, resultado de proposta feita pela delegação brasileira na Convenção de Mérida.

De acordo com o Presidente do NAE, Léo Vieira, no Nordeste, a Paraíba tem se destacado na realização de movimentos contra a corrupção. “Já fizemos um ato simbólico nas areias de Tambaú, onde foram fincadas 594 vassouras que chamaram atenção da população sobre a necessidade de varrer a corrupção do nosso Estado e do Brasil, também apoiamos as duas marchas promovidas pelo grupo NasRuas”, enfatizou Léo Vieira.

A presidente da API, jornalista Marcela Sitônio, lembrou a necessidade de atos contínuos em defesa da cidadania e contra a corrupção. “No Dia Internacional de Combate à Corrupção é oportuno concentrar nossas forças, mobilizar a população que não aceita mais pagar impostos e ter seu dinheiro desviado dos cofres públicos pelos corruptos, ao invés de ser aplicado em benefício do povo”.