Fale Conosco

O presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, já deixou claro: o único pré-candidato do partido é Bruno Cunha Lima. O deputado Tovar Correia Lima, que foi secretário de Romero Rodrigues em Campina Grande, no entanto, vai lutar pela herança da operação Famintos na cidade.

Nesta sexta-feira (3), o aliado do prefeito campinense e ex-secretário de Planejamento avisou que sua pré-candidatura já é página virada.

“Muito embora eu seja filiado a um partido, Bruno e Manoel Ludgério a outro partido, mas nós estamos os três tentando uma viabilidade, conversando entre si, para que a gente possa, aí sim, entrar em um debate mais político com os opositores e discutir a cidade de Campina Grande”, comentou.

Muito embora, o prefeito Romero ainda não tenha de fato escolhido o sucessor, o PSD, ao que parece, já escolheu. Mas será que ele pode ir contra o seu próprio partido?

Na noite de ontem (2), Romero e Tovar fizeram uma live juntos para falar sobre o coronavírus. O debate pode ter sido visto como uma simples conversa informal, mas também aponta para uma resposta de Romero à declaração de Kassab: “olha só, eu ainda não decidi, então calma aí”.