Fale Conosco

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, determinou o arquivamento da ação apresentada pela coligação “A Força do Trabalho”, encabeçada pelo governador Ricardo Coutinho (PSB), contra o senador Cássio Cunha Lima (PSDB), informou o advogado da coligação “A Vontade do Povo”, Harrison Targino em entrevista na manhã desta quinta-feira (23), na Rádio CBN.

A denúncia é sobre uma suposta compra de apoio político de prefeitos de vários municípios, e teve como base a gravação telefônica de uma ligação realizada pelo jornalista e ex-secretário de Estado, Sales Dantas, para o prefeito de Caiçara, Cícero Francisco (PSB).

“A grotesca farsa montada pela coligação de Ricardo Coutinho foi desmoralizada. Um factoide político mal feito, com uma irresponsável montagem que terminou por levar à censura pública por parte do ministro relator, que é, inclusive, presidente do TSE. É lastimável este episódio e isto demonstra o caráter de quem fez”, afirmou Harrison.

O ministro entendeu que a única prova existente nos autos era uma gravação feita de forma clandestina.

ClickPB