Fale Conosco

O projeto “Avião do Forró”, sucesso do Maior São João do Mundo do ano passado, corre o risco de não mais decolar este ano. É que o Clube dos Paraquedistas de Campina Grande está cobrando da Prefeitura o pagamento do contrato firmado para as apresentações ocorridas no Maior São João do Mundo 2017, que até hoje não foi efetuado. A dívida é de R$ 50 mil.

Segundo mostra o contrato firmado com a Prefeitura de Campina Grande, assinado pelo Secretário de Desenvolvimento Econômico (SEDE), à época, Luiz Alberto Leite em 23 de Maio de 2017, a Prefeitura se comprometeu com o Clube de Paraquedistas de pagar, via convênio, o valor de R$ 50 mil. Valor esse até está quarta-feira (11.04.2018), não havia sido quitado pelo prefeito Romero Rodrigues (PSDB), apesar dos inúmeros apelos e visitas dos membros do clube de paraquedistas ao prefeito e secretários.

Confira nesse link um vídeo com um apelo de um dos integrantes do clube ao prefeito Romero Rodrigues, gravado em 28 de junho de 2017 (numa Quarta-feira), no qual o próprio prefeito promete quitar a dívida na sexta-feira, dia 30 de junho de 2017. Porém, já estamos às vésperas do São João 2018 e os integrantes ainda cobram o pagamento. https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=1548454748508378&id=100000316024431

Entenda o projeto: em 2017, o projeto “Avião do Forró” entrou em sua segunda edição e a abertura aconteceu no dia 30 de maio, se estendendo até o dia 02 de julho, no aeroclube do Distrito de São José da Mata, há 12 km de Campina Grande.

Foram oferecidos passeios panorâmicos de avião e helicóptero, com uma rota seguindo até o distrito de Galante, retornando para o aeroclube. Além dos passeios, também houve cursos de paraquedismo para quem pretendia saltar sem a companhia de um instrutor.

Redação