Fale Conosco

O governador Ricardo Coutinho mais uma vez fez questao de mostrar quem é que manda no PSB paraibano – ele mesmo. A vitima dessa vez foi o vereador Bira, que já chegou a ser porta voz do Governo Ricardo à epoca em que o socialista era prefeito. Por ter mostrado simpatia pelo ‘volta Agra’ e depois por ter ventilado a possibilidade de seguir com Luciano Cartaxo, o socialista teve a legenda negada pela direcao do partido.

Fazendo analogia com uma partida de futebol, o socialista afirmou que caso fosse técnico jamais colocaria um jogador para fazer gol contra seu time.

“Se eu fosse técnico de futebol eu jamais colocaria no meu time para jogar, um jogador que dissesse que ia fazer gol contra o meu time. Quero o jogador que faça o gol contra o adversário”, argumentou, descartando o hoje ex-aliado.

Tentando se colocar como vitima e não como o mal feitor, Ricardo Coutinho ainda tentou jogar para os ex-aliados a crise no PSB, esquecendo que foi a imposicao e a tirania dele o principal estopim das reações no bloco socialista.

É bom que as pessoas que vao aderir ao PSB estão aderindo para serem pau mandados e baixarem a cabeça feito lagartixa, caso contrário também serão decaptados pelo Rei.