Fale Conosco

Uma resolução do Tribunal Superior Eleitoral pode atrapalhar os planos do ex-presidiário Ricardo Coutinho de concorrer à Prefeitura de João Pessoa. Isso porque um dispositivo editado ano passado que regulamenta o pleito eleitoral proíbe a doação de partidos que não façam parte da mesma coligação.

Assim, o líder da Orcrim Girassol corre o risco de, a qualquer momento, ser obrigado a devolver os R$ 60 mil repassados pela sigla petista no âmbito nacional, como mostra o print abaixo: