Fale Conosco

Nesta quinta-feira (17), é comemorado o Dia Internacional de Enfrentamento à LGBTfobia. Para comemorar a data, a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da sua Coordenadoria Municipal de Promoção à Cidadania LGBT e Igualdade Racial, promove a 1ª Feira de Cidadania LGBT. O evento será realizado das 9h às 13h, no Centro de Cidadania LGBT, localizado no Parque da Lagoa.

A Feira reunirá vários serviços de empresas públicas e privadas, como testes rápidos de HIV, sífilis e hepatites virais da Secretaria Municipal de Saúde, vagas de emprego com o Sine Municipal, Banco Cidadão, Educação de Jovens e Adultos (EJA), além do balcão de direitos da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes).

No evento, a gestão municipal também fará encaminhamentos aos programas habitacionais, em parceria com a Secretaria Municipal de Habitação (Semhab) e inscrição no Programa Transcidadania. A 1ª Feira de Cidadania LGBT também tem parceria com as empresas LIQ, Manaçaí e Carrefour.

O coordenador municipal de Promoção à Cidadania LGBT, Roberto Maia, considera de grande importância esse evento e a participação da gestão municipal. “É muito importante esse dia para dialogarmos sobre a inserção da população LGBT nas políticas públicas e também refletirmos de como essa população ainda sofre muito preconceito na sociedade e estarmos juntos com esses parceiros no sentido de diminuir a LGBTfobia no contexto social e familiar”, disse.

Ele lembra que, semanalmente, o Centro de Cidadania LGBT recebe essa população no contexto de vulnerabilidade social. “Percebemos um aumento da exclusão no contexto familiar e encaminhamos para as casas de acolhidas do município de João Pessoa”, informa o coordenador.

Contatos – O Centro da Cidadania LGBT está localizado no Parque da Lagoa, nº 196 e oferece assistência jurídica e psicológica, assistência social, praticas integrativas de saúde e cursos profissionalizantes com encaminhamento ao emprego em empresas parceiras. Os números de telefone para contato do Centro são 3218-9246 e 3222-8853.

Dia de Luta – Desde 17 de maio de 1990, a Organização Mundial de Saúde (OMS) retirou o homossexualismo de seu rol de distúrbios mentais, deixando de considerar essa tendência como um desvio e, ao mesmo tempo, abolindo o termo (já que, na área de saúde, o sufixo “ismo” caracteriza uma condição patológica).