Fale Conosco

O ex-prefeito Carlos Antônio, de Cajazeiras, seria pule de dez em qualquer candidatura às eleições do próximo ano.

Seria, se ele não estivesse com problemas na Justiça, sendo alcançado pela lei Ficha Limpa.

Como de hábito na maioria dos políticos, Carlos Antônio deve colocar sua esposa e presidente da FAC, Denise Albuquerque como candidata, para derrotar o grupo de Léo Abreu, substituindo seu nome.

Dinheiro para isso, não falta.

Conforme denúncia publicada no site http://www.jusbrasil.com.br, Denise assinou uma portaria datada de 8 de abril deste ano.

Leiam a matéria:

“Nela, autoriza a FAC a gastar o valor total de R$referentes a uma dispensa de licitação referente ao Programa Leite da Paraíba, mantido pela instituição dirigida atualmente por ela.

“Esta imensa quantia, que poderá chegar ao montante de R$ 60 milhões do decorrer deste ano (equivalente a duas Mega-Senas acumuladas, como a deste sábado, cujo rateio foi de R$ 33 milhões), é referente apenas ao valor repassado aos 25 fornecedores escolhidos pelo Governo do Estado para entregar diariamente litros de leite de cabra ou vaca, durante 90 dias (três meses).

“É uma verba quatro vezes superior ao Orçamento Geral da Secretaria Extraordinária de Comunicação Institucional, por exemplo, que deverá gastar somente R$ 14 milhões durante os 12 meses de 2011, com todas as veiculações legais (editais, avisos, etc) e demais formas de propaganda e publicidade oficial, com emissoras de rádio, canas de televisão, jornais impressos, portais de notícias na Internet, blogs, etc.”