Fale Conosco

A prefeita Márcia Lucena, da cidade de Conde, tem uma “fórmula” que data das eleições municipais passadas: colocar preço no voto do eleitor condense. De acordo com o áudio que integra o inquérito da investigação da Operação Calvário – que apura desvio de milhões de reais da saúde paraibana – a prefeita acredita que com “R$5 ou R$10 para comprar cachaça” dá para se comprar o voto do eleitor. E ainda chega a dizer que os eleitores não tem dignidade.