Fale Conosco

O vereador Olimpio Oliveira voltou a ocupar a tribuna da Câmara Municipal de Campina Grande, nesta quinta-feira (24), para criticar a condução da política de assistência social e da saúde por parte da Prefeitura de Campina Grande. Segundo o parlamentar, além do corte das subvenções sociais para as 29 instituições de caridade, a prefeitura de Campina não está repassando há cinco meses os recursos do SUS para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – APAE.

Segundo Olimpio, esses recursos são oriundos do Fundo Nacional de Saúde, os quais são creditados no Fundo Municipal de Saúde, pois como a saúde em Campina é municipalizada, cabe ao governo municipal pagar os serviços que são atendidos pela APAE e os demais equipamentos de saúde que são contratados pela Prefeitura. Quem se uniu a Olimpio e lastimou os não repasses da prefeitura para com a APAE e outras entidades foi o deputado federal Veneziano Vital do Rêgo.

A dívida da Prefeitura com a APAE já passa dos 150 mil reais, em virtude do atraso dos repasses desde o mês de fevereiro de 2017. Confira a evolução da dívida mês a mês, segundo o vereador diz ter apurado com fontes confiáveis:

Mês – 2017 Valor em ReaisFevereiro   24.707,00Março   37.596,20Abril   30.195,45Maio   40.350,38Junho   19.743,33TOTAL 152.592,36

 

Assessoria de comunicaçãoVereadorOlímpio Oliveirawww.olimpiooliveira.com.br