Fale Conosco

Uma mulher foi presa na China com nada menos do que 102 iPhones presos ao corpo, além de 15 outros relógios de luxo.

Oficiais da alfândega de Shenzhen notaram que o corpo da mulher estava “inchado” demais. Quando o detector de metais acusou algo errado, eles viram que ela tinha mais de uma centena de iPhones de diferentes modelos guardados com ela, além dos relógios. Os objetos extras fizeram ela ganhar nada menos do que 20 kg.

Shenzhen faz fronteira com Hong Kong e é frequente que contrabandistas sejam pegos tentando ir de um lado para o outro. Em outro caso semelhante, um rapaz foi preso com 146 iPhones grudados no corpo em 2015 – ele é o atual recordista do contrabando de iPhones.

 

Fonte: Olhar Digital