Fale Conosco

EXCLUSIVO – Maranhão ficou cem dias calado em respeito ao governador Ricardo Coutinho que, como qualquer um, merece trégua no início da gestão, mas quando anunciou uma coletiva logo o governador também marcou a sua para o mesmo dia e horário. 

Mais uma vez com gesto nobre e para evitar conflito de pautas na imprensa,  Maranhão optou por adiar para a terça feira sua coletiva. Não quer atrapalhar a festa do Governador.

Assim, fica Ricardo Coutinho sem concorrência para dizer o que bem quiser na segunda, e Maranhão terá a terça feira livre para através dos  jornalistas conversar com os paraibanos.

Não quero acreditar que a Secom inventou essa coletiva do governador na segunda para esvaziar a coletiva de Maranhão. 

Apesar de Maranhão ter anunciado antes, só pode ter sido uma coincidência.

Como o governador é a autoridade máxima e deve ser dele a prioridade das pautas, preferiu a assessoria de Maranhão ter a iniciativa gentil de remarcar sua coletiva para a terça, às 11 horas na sede do PMDB. 

Desse jeito civilizado, na segunda Ricardo comemora os 100 dias e anuncia o que bem entender; na terça Maranhão tem uma conversa sincera com os paraibanos.