Fale Conosco

Essa conversa de “amigos amigos, negócios a parte” é a conversa mais fiada que eu já ouvi. Sempre que “amigo” e “negócio” estão na frase o resultado é o fim de um dos dois. É nessa situação que estão os dois jornalistas braço direito e esquerdo dos Cunha Lima: Luís Tôrres e Fabiano Gomes, passando por cima da amizade e se digladiando em busca de espaço no Governo do Estado.

Amizade nunca foi uma palavra muito forte nessa dupla, que vira e mexe se desentende e rompe laços, muito embora depois ajam como se nada tivesse acontecido. Fabiano Gomes é mais coração, incisivo, se deixar levar pelas emoções e sai falando o quem vem na cabeça. Esse comportamento fez com que Nonato Bandeira, secretário de Comunicação do Estado, afastasse o gordinho das reuniões secretas que a equipe de Ricardo Coutinho realizou durante a campanha eleitoral.

Ponto para Luís Tôrres, que opta pela postura de bom moço centrado e comedido, muito embora a máscara só iluda alguns menos informados. Sem Fabiano por perto, Luís acreditou que os olhares estavam todos voltados para seus cabelos lisos, até pensou que receberia o convite para assumir a secretaria de Comunicação.  

Ledo engano. O baixinho, que diz usar uma cuequinha “azul e amarela” em homenagem ao PSDB de Cássio, poderia representar perigo para Ricardo Coutinho que tem os dois pés atrás com o ex-governador, por isso foi deixado de molho e terminou absorvido pela TV Arapuã como prêmio de consolação.

Já Fabiano ingressou no Sistema Correio, ainda durante a campanha, e fez o nome crescer dentro da emissora. Foi beneficiado após a vitória de Ricardo, já que o Correio resolveu acompanhar o sistema ditatorial imposto pelo socialista e deu a direção de rádio jornalismo ao gordinho.

Fabiano também conseguiu emplacar a namorada, jornalista Beth Torres, na direção do jornal estadual “A União”. Beth era a editora do portal PolíticaPB, de propriedade de Fabiano.

Enquanto o “equilibrado” Luís até agora não conseguiu nenhuma publicidade para seu blog ou outro espacinho no Governo, o “destemperado” Fabiano está bombando. Se eu fosse Fabiano plantaria uma pimenteira no jardim, pois quando um “equilibrado” fica “descontrolado” não existe amizade que resista.

Como recordar é viver, republico uma matéria que postei aqui sobre as peripécias da dupla.

CLUBE DA MAMATA: Jornalistas se associam em

agência de olho na verba da SECOM

CLUBE DA MAMATA: Jornalistas se associam em agência de olho na verba da SECOM

Jornalistas de sucesso e hoje aliados do governador Ricardo Coutinho, Fabiano Gomes e Luís Torres se preparam para voar de asa delta no espaço sideral e estão criando uma agência de propaganda para abocanhar suculenta fatia da conta governamental.

Ainda não sei se por mera coincidência, o competente publicitário Rinaldo Pessoa, da RPG, anunciou em seu twitter que “A RPG Comunicação mudando de foco, se especializando em mercado governamental, buscando novos parceiros.Em breve uma nova parceria, digamos associativa na RPG, gente nova chegando na empresa”.

Para quem não sabe, a RPG atendeu uma das contas do governo Maranhão, tendo como padrinhos Roberto Cavalcanti e Alexandre Joubert.

Fabiano não faz segredos de que recebeu sinal verde de Nonato Bandeira para operar no acompanhamento do governador. Luís Torres em seu próprio blog assumiu que será sócio de Fabiano. É só juntar os cacos que se percebe uma ampla sociedade formatada as margens do Rio da Prata, em Buenos Aires.

A opção dos dois rapazes pela RPG se justifica por ela ter portfólio e condições técnicas de vencer uma licitação sem contestações no mercado publiciitário.

Atenção Eduardo Carlos: em pauta o fortalecimento do Sistema Correio e a exclusão do Sistema Paraíba.

Em tempo: Luís Torres foi o jornalista mais processado por Ricardo Coutinho e Fabiano Gomes votou em Maranhão no primeiro turno, inclusive enviando mensagens para os amigos com a recomendação.