Fale Conosco

O Tribunal de Justiça da Paraíba decidiu na noite de hoje que a greve dos auditores fiscais da Paraíba é absolutamente legal e com isso o governador, Ricardo Coutinho, terá que calçar as sandálias da humildade para negociar com os servidores.

A categoria está de braços cruzados há 21 dias e a estimativa de perda na arrecadação do governo é de mais de R$ 60 milhões com o movimento paredista.

A reivindicação da categoria é pelo cumprimento da Lei do Subsídio do Fisco.

A Lei estabelece a política remuneratória do Fisco e garante o reajuste salarial mediante a superação de metas de arrecadação.

De acordo com o Sindicato dos Servidores Fiscais Tributários da Paraíba (Sindifisco-PB), desde janeiro o governo está descumprindo a lei.

A Lei estabelece a política remuneratória do Fisco e garante o reajuste salarial mediante a superação de metas de arrecadação.

De acordo com o Sindicato dos Servidores Fiscais Tributários da Paraíba (Sindifisco-PB), desde janeiro o governo está descumprindo a lei.