Fale Conosco

Mais um secretário deixou o governo do prefeito Luciano Cartaxo. Dessa vez, foi o secretário adjunto de Turismo, Graco Parente, que acaba de entregar o cargo. Com ele, já é o quarto auxiliar direto de Cartaxo a deixar a Prefeitura. Antes dele, Diego Tavares, Socorro Gadelha e Daniella Bandeira entregaram os cargos após um processo traumático de escolha do pré-candidato a ser apoiado por ele, para prefeito da Capital.

Aparentemente, a ex-secretária Edilma Freire (PV) não foi escolhida de forma transparente e o processo traumatizou os ex-auxiliares a tal ponto de romperem com o prefeito de João Pessoa, deixarem a administração e declararem apoio ao principal rival em João Pessoa, Cícero Lucena.

Além deles, mais dois auxiliares saíram da administração municipal: Marianne Goes, que estava na coordenadoria do estratégico programa João Pessoa Cidade Criativa da Unesco, entregou o cargo. Ela protocolou a carta de demissão na quarta-feira (2), para seguir novos projetos; e Eduardo Pedrosa, secretário adjunto da Administração.

Graco Parente ocupou o cargo de secretário adjunto da Capital por 3 anos e 8 meses. Atualmente, ocupa o cargo de vice-presidente da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação, é presidente do Sindicato das Empresas de Hospedagem e Alimentação e de conselheiro da Federação Brasileira das Empresas de Hospedagem e Alimentação na Região Nordeste.