Notícias

Governo mascara, mas violência explode na Semana Santa e mais de 50 homicídios assustam paraibanos

A violência explodiu na Semana Santa em toda a Paraíba e, quando se esperava uma trégua por conta do calendário sagrado, o que se viu foi o dobro de homicídios registrados em 2014.

O que fazer para conter essa chacina diária? De quem é a culpa? São perguntas que os populares fazem nas esquinas, enquanto esperam os transportes coletivos, no trabalho, em casa, na missa e desabafando nas redes sociais.

Nada é oficial, pois o governo esconde os números, mascarando a realidade. Falam em 51 homicídios só na grande João Pessoa e quando somados às ocorrências em todo o estado rapidamente chegamos a 100 ou até mais os que ainda convalescem e podem vir a óbito.

É um quadro de guerra, uma situação que já beira a emergência e o governador Ricardo Coutinho bem que poderia ser humilde, admitir a incompetência da gestão para conter a escalada da violência e requisitar tropas federais.

A nossa Polícia é bem preparada, realmente está bem equipada e até helicóptero possui. Mas, nem só de viaturas novas vive o aparelho policial e uma boa Polícia requer investimentos em material humano, salário decentes e aumento do contingente.

Na Paraíba o que vemos é o fechamento de delegacias por falta de pessoal e assim realmente não se consegue obter bons resultados na política de Segurança Pública.