Fale Conosco

A prefeita de Bayeux, Luciene de Fofinho, pregou um aviso na porta de um hospital na cidade para incentivar a denúncia de profissionais de Saúde que não atenderem da forma correta os pacientes. Com uma ameaça de demissão e exoneração, o aviso foi uma cópia do texto de Nathan Macena, prefeito da cidade de Careiro Castanho, no Amazonas, que no dia 15 de dezembro do ano passado pregou o mesmo comunicado em um hospital do município.

Macena lembrou que os profissionais são pagos com dinheiro do contribuinte e que o mínimo que têm que fazer é tratar o cidadão bem e com respeito. Compare os dois avisos. O primeiro é de Macena e o segundo é o de Fofinho:

Imagem
Imagem