Fale Conosco

O radialista Emerson Machado, da TV Correio vai disputar uma vaga na Câmara Federal em 2018, e respeitando o calendário eleitoral, o comunicador vai sair do ar esta semana. No próximo sábado, dia 30, o repórter ‘Mofi’ vai se fastar por 90 dias das atividades para se dedicar a pré-campanha de deputado federal.

Filiado ao Avante, Emerson já comunicou ao Sistema Correio e aos seus seguidores a decisão tomada. Atualmente ele apresenta o Balanço Geral, na 98 FM,e é repórter da TV Correio. Ele vai ficar fora do ar devido a legislação eleitoral.

Conforme a publicação, Machado, filiado ao PPS, quer leis mais duras e entre as propostas defendidas está a redução da maioridade penal para 16 anos; a de que o preso condenado cumpra 70% da pena em regime fechado; e castração química para estupradores e pedófilos.

“Por onde eu ando nos bairros de João Pessoa e nas cidades da Paraíba, há um clamor da população para que eu saia candidato a deputado federal. Tenho ideias e projetos para defender os interesses dos paraibanos. Dentre eles, vou apresentar projeto que torna obrigatório o teste do bafômetro. Foi pego na sei seca, tem que fazer o bafômetro. Se matar no trânsito e estiver bêbado, defendo cadeia. Outra proposta que defendo, é a castração química para estupradores. Se o cara for condenado por estupro, seja pobre ou rico, tem que ser castrado”, afirmou Mofi.