Fale Conosco

O programa 360 Graus inicia hoje, como tem feito ao longo dos últimos meses, com mais um capítulo do diário da pandemia.
E destaca o alerta da comunidade científica de que, sem vacinas e restrições, o Brasil alcançará em breve a marca de quatro mil mortes diárias.
Ignorando as vozes da ciência, como tem feito desde o início, o presidente Jair Bolsonaro acionou o Supremo Tribunal Federal contra os governadores da Bahia, Rio Grande do Sul e Distrito Federal, que endureceram as restrições de circulação para conter contaminações, mortes e colapso na saúde.
Bolsonaro que ontem, em sua live semanal, deu mais uma demonstração de desumanidade e de incapacidade moral para ocupar o cargo de presidente, imitando uma pessoa morrendo por asfixia.
Também ontem, sob pressão do Congresso, Bolsonaro assinou medidas provisórias que viabilizam o retorno do auxílio emergencial.
Que voltará com valores mais baixos e alcançando público menor.
O auxílio terá variação de 150 a 375 reais, beneficiando 45,6 milhões de pessoas – 22,6 milhões a menos do que no auxílio emergencial de R$ 600, pago em meados do ano passado a 68,2 milhões de pessoas.
O resumo do diário da pandemia desta sexta-feira é que o auxílio é pouco, a reação governamental com novo ministro da saúde é mínima e nunca precisamos tanto que Deus prove sua brasilidade.

Assista: