Fale Conosco

Na madrugada deste domingo (28), os fiscais da Vigilância Sanitária Estadual interromperam um baile da terceira idade com mais de 190 idosos no bairro da Penha, na Zona Leste da cidade de São Paulo. O evento descumpria o “toque de restrição”, adotado pelo governo de São Paulo desde sexta-feira (26), com o objetivo de limitar a circulação de pessoas das 23h às 5h para conter o avanço do contágio pelo coronavírus.

Os idosos fazem parte do grupo de risco pela Covid-19, representando mais de 70% das mortes pela doença no estado de São Paulo.

A nova medida adotada pelo governo estadual não tem o mesmo efeito proibitivo de um “lockdown”, em que as pessoas não podem deixar suas casas. Segundo a gestão João Doria (PSDB), o “toque de restrição” tem caráter educativo para que a população respeite as restrições que já estavam em vigor no Plano São Paulo, que regula a quarentena no estado.

O governo afirma que a fiscalização será intensificada com blitze de ação conjunta entre Vigilância Sanitária, Polícia Militar e Procon-SP até o dia 14 de março.

De acordo com balanço da Secretaria Estadual de Saúde, a operação para fiscalização do cumprimento ao toque de restrição já resultou na autuação de pelo menos 46 estabelecimentos da capital, entre a noite de sexta-feira (26) e a madrugada deste domingo (28).

G1