Fale Conosco

Apesar de toda a camuflagem, os detratores do deputado Veneziano deixam rastros que os ligam a Coordenadoria de Comunicação da PMCG, vinculada a Chefia de Gabinete do prefeito Romero Rodrigues.

No episódio de ontem, quando plantaram via influência nacional do PSDB no jornal Folha de São Paulo, pois foi FHC quem em seu governo viabilizou o parque gráfico da editora Folha da Manhã, proprietária do jornal, servidores públicos a serviço, leia-se Geovaldo Carvalho, usaram o email Consult Política para espalhar a maldade plantada pela cúpula, leia-se Cássio Cunha Lima.

Como apresento no quadro abaixo, esse email tem o mesmo mailing list da CODECOM e minutos depois de sua emissão um grupo de sites, blogues e emissoras de rádio repercute o que estiver ali postado.

É o start da maldade bancada pelo dinheiro público. E um pente fino no Sagres revelará que os receptores recebem direta ou indiretamente, via nomes na folha, para manter Veneziano sob fogo cerrado. Não vou publicar aqui quem são os beneficiados e como recebem para não expor pessoas e empresas.

Mas, o jornalista Geovaldo não está só. Ele atende ordens diretas de Marcos Alfredo, chefe do CODECOM, que está submetido a outro jornalista, Arquimedes de Castro.

Juntos, esses três são os responsáveis pela tentativa de desconstrução e linchamento moral do ex-prefeito Veneziano e atendem diretamente as recomendações do vice, Ronaldo Cunha Lima Filho, a ponte entre eles e Cássio,o estrategista.

Sim, por que apesar de Romero ser o prefeito e beneficiário direto do desgaste do adversário, é Cássio quem não pode perder a eleição em Campina, pois sem aquela base terá dificuldades para seus projetos majoritários.