Fale Conosco

A primeira dama do estado gostou da brincadeira de polícia e ladrão. Depois de acionar toda a polícia, com direito a serviço de inteligência e rastreamento para buscar uma “ladra”, como chamou no Twitter, que levou seu celular e pior o cartão de memória, Pâmela Bório agora promete chamar a Polícia Federal para encontrar seus desafetos virtuais.

Sempre enrolada em alguma encrenca, Pâmela perde o cartão de memória, mas não perde o rebolado. Após receber algumas críticas  e denúncias sobre sua baianidade do passado, por um internauta com perfil forjado no Twitter, Pâmela disse que a Polícia Federal irá encontrar o seu algoz.

Publicou Pâmela em seu microblog:

@CitadinoLuana Não adianta cancelar o TT,já sabemos quem é e só não divulgo por causa de normas judiciais. Mas vc,”Fábio” e etc.”já eram”…”

@CitadinoLuana O que vc faz é crime cibernético – a polícia federal cuida disso. Já sei quem vc é…Vai perder seus outros 2 TTs. Vergonhoso”

O que parecia uma pequena bola de neve pode se tornar uma avalanche na vida do governador da Paraíba. Haja policial. Quem sabe assim, com essa demanda extra vinda da Granja Santana, Ricardo Coutinho não pensa com mais carinho a respeito dos profissionais da Segurança Pública.