Fale Conosco

Já fiz aqui neste blog duras críticas a gestão do prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rego, mas quando é para elogiar também rasgo seda para quem merece. 

Em sentido inverso ao corriqueiro nas gestões de Ricardo Coutinho e Luciano Agra, Governador da Paraíba e prefeito de João Pessoa, respectivamente, o Cabeludo realizou seis concursos em seis anos e convocou quatro mil aprovados. 

O detalhe é que a Prefeitura de Campina Grande tem hoje 9.500 servidores, muito diferente de João Pessoa que só no período de seis anos da gestão de Ricardo inchou folha a com 11 mil comissionados e não convocou os concursados na mesma proporção.

 Ricardo ao assumir agora o Estado fez do servidor a palmatória do mundo e botou mais de 10 mil no olho da rua. 

Ao contrário, Veneziano quando assumiu a PMCG em 2005, após um período de 22 anos de gestão Cunha Lima e 2 de Cozete, manteve todo mundo, trouxe para responsabilidade direta da Prefeitura os servidores instáveis que estavam nas cooperativas e tirou das SABs o direito esdrúxulo que Cássio lhes deu de contratar agentes de saúde e médicos. 

Já imaginaram o presidente de uma associação de bairro tendo poderes para contratar pessoal da área de saúde apenas pelo critério político? 

A última de Veneziano foi ter apresentado um calendário pré-determinado para pagamento da folha em um momento em que o comércio de Campina vive uma retração devido à demissão de milhares de comissionados e o atraso na folha de pagamento do estado. 

Em tempo: soube hoje que Veneziano fará mais dois concursos até o final de sua gestão.

O Cabeludo sacode a poeira e da a volta por cima.