Fale Conosco

O ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha passou a apostar todas as suas fichas no julgamento no STF (Supremo Tribunal Federal) do habeas corpus em que pede para ser libertado. A reação, em caso de derrota, é considerada imprevisível por defensores que atuam no caso.

As informações são da coluna de Mônica Bergamo na Folha de S.Paulo. 

“‘Se perder e continuar preso, ele vai surta'”, diz um interlocutor de Cunha na área jurídica, afirmando que a expectativa do ex-deputado sobre o STF é muito positiva. Na terça (21), ele sofreu derrota acachapante no STJ (Superior Tribunal de Justiça), quando o mesmo habeas corpus foi rejeitado por 5 a 0.”