Fale Conosco

Não vou cometer aqui a irresponsabilidade de acusar ninguém sem ter uma prova, mas voltando a um assunto que tratei recentemente, lembro que o escândalo dos livros começou com uma jovem que afirmava ser “amante” de Pietro Harley, quando esta procurou a corrdenação da campanha de José Maranhão para denunciar que “Dom Pietro” guardava R$ 8 milhões em sua casa de Campina Grande para comprar votos em favor do então candidato a governador Ricardo Coutinho (PSB).    

O que não contei no último texto é que ela estava grávida e que nunca mais a vimos. Não sabemos do paradeiro da moça e nem do bebê.

Confesso que fiquei muito preocupado quando soube que Daniel temia por sua vida. Agora, imagine esta menina… Grávida de um pivô de um escândalo destas proporções, não sabemos nem se ela está viva!

Faço um apelo a jovem, cujo nome não vou revelar por segurança, para que entre em contato com nosso blog para que possamos buscar uma forma de garantir sua segurança.