Fale Conosco

O juiz da 77ª Zona Eleitoral, Eslu Eloy Filho, publicou decisão nesta terça-feira (25), proibindo a prefeitura de João Pessoa de efetuar qualquer nova contratação de servidor público durante as eleições. 

A sentença vale até 7 de outubro ou no segundo turno do pleito, caso o candidato do PT, Luciano Cartaxo, apoiado pelo atual prefeito Luciano Agra (sem partido) estiver na disputa.

NA decisão, o juiz concedeu liminar em Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) impetrada pela Coligação Pra Seguir Em Frente, encabeçada por Estelizabel Bezerra (PSB), movida contra Cartaxo; o prefeito Luciano Agra; o secretário de Transparência, Alexandre Urquiza; o chefe e gabinete do Orçamento Democrático, Rômulo Alisson Santos de Oliveira, além da secretária de Saúde, Roseana Meira e do procurador geral do Município Vandalberto de Carvalho.  

Com esta decisão, a Justiça eleitoral dá o primeiro passo para revelar muitas verdade na gestão Agra.