Fale Conosco

Depois de anos de luta, as travestis e transexuais que moram em João Pessoa conquistaram mais um direito. A partir desta terça-feira (02), elas poderão ter seu nome social nos cartões do Sistema Único de Saúde (SUS). O acordo foi firmado entre a Coordenadoria de Promoção à Cidadania LGBT e a Secretaria Municipal de Saúde. A ação faz parte do programa Transcidadania lançado este ano pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP).
 
“Dialogamos com a coordenação do registro do cartão do SUS no município para que o respeito pelo nome social seja um direito adquirido a população das travestis e transexuais. A partir de agora, os cartões serão confeccionados com o seu nome social como nome principal e não mais no campo apelido, como constava acontecer anteriormente. Essa é uma política nacional e entendemos a importância dela como forma de identidade de gênero”, destacou Roberto Maia, coordenador de Promoção à Cidadania LGBT.
 
A Prefeitura de João Pessoa vem promovendo inúmeros programas de políticas publicas e inclusão social desta população, como na área de habitação, educação, direitos humanos, saúde e emprego e renda. “Essa é a forma de garantir qualidade de vida digna a essa população, que já sofre há anos com o preconceito e a exclusão social”, completou Maia.