Fale Conosco

A prefeitura de João Pessoa deflagra a partir de 29 de julho a segunda fase do plano de flexibilização das medidas adotadas por causa do novo Coronavírus, com o retorno dos escritórios e dos profissionais liberais, a volta do futebol profissional e a reabertura das lojas de materiais de construção. O prefeito Luciano Cartaxo, em anúncio pelas redes sociais, informou que nessa nova etapa o sistema de transporte urbano volta a funcionar a partir de 6 de julho, porém, com uso de protocolos para restringir a lotação dos veículos.

“Conversamos com as empresas, chegamos a um acordo baseado em protocolos. Vamos testar e vacinar contra a Influenza todos os profissionais do transporte coletivo, higienizar todos os terminais e fazer esse retorno com toda a segurança possível”, adiantou.

Cartaxo disse que a prioridade da gestão continua sendo a preservação da vida, destacou que o sistema de saúde da Capital em nenhum momento entrou em colapso e ressaltou que todas as medidas adotadas até aqui são amparadas em dados técnicos e científicos. “Estamos dando mais um passo adiante, mas não podemos baixar a guarda. Temos que fazer tudo com responsabilidade, segurança e muita prudência”, registrou.

Cartaxo revelou que a cidade reduziu drasticamente a taxa de ocupação de leitos, hoje em 73%, bem como os índices de óbitos pela metade, hoje numa média de 4 a 5 por dia. “Esse número já foi acima de dez. Também temos verificado a taxa de ocupação de nossas UPAs, que são a porta de entrada do nosso sistema, enfim, estamos fazendo tudo com planejamento, respeito à ciência e com responsabilidade. É muito fácil flexibilizar tudo quem não tem um leito de UTI e na hora do aperto jogar tudo para João Pessoa. A cidade e a população estão de parabéns, porque estamos caminhando com cuidado e com respeito à vida”. justificou.