Fale Conosco

Cada vez mais estou convencido que as relações entre Cássio e Ricardo estão estremecidas. É aquela coisa: em público tapinha nas costas; nos bastidores é cobra engolindo cobra.

Essa foto que foi tirada ontem as 6h30 da matinã lá no município de Goiânia flagra parte daquela frota de veículos locada por Cássio para suprir deficiências da Polícia Militar, voltando para Belo Horizonte, sede central da Localiza.

O caminhão cegonha transportava viaturas adesivadas em um modelo de negócio estabelecido por Cássio, mas rejeitado por Ricardo. Tem boi na linha! Ou trata-se apenas de manutenção ou rodízio da frota locada?

Cássio locou e funcionou bem, foi uma solução e tanto. Maranhão assumiu o governo e comprou dezenas de caminhonetas e motos.

Das duas, uma: a rescisão do contrato é lógica, pois Maranhão montou frota própria e adequada e locar carros não faz mais sentido; Ricardo achou absurda a locação de veículos e viu certos vícios na licitação e por isso não renovou.

Perguntar não ofende: até quando aqueles outdoors da Exiba, empresa do irmão de Cássio, Savigny, vão continuar no terreno da Rádio Tabajara sem pagar aluguel?