Fale Conosco

Não, Helder Moura não foi demitido do Sistema Correio. Não, Luciano Agra paga em dia, mas, apesar de Walter Galvão, membro de carteirinha do Coletivo RC, ser o editor, o Correio não vai mostrar o fundo das calças.

O executivo Alexandre Jubert me ligou para explicar que Helder saiu de férias porque tinha duas dentro e que merece descanso, como qualquer trabalhador com carteira fichada.

Quem leu a coluna dele hoje fique sabendo que foi ele mesmo quem escreveu com toda aquela capacidade e independência à prova de RC, Nonato e Agra. Amanhã é outra coisa e um interino passa a assinar, apesar de na cabeça da página o nome de Helder tremular.

Quem assistiu o Correio Debate hoje viu Helder ao vivo e Giovanni Meireles vivíssimo. Ruy Dantas preferiu mergulhar na produção das campanhas publicitárias da SECOM de RC e garantir aquela comissãozinha de 20% que a família cresceu e ninguém é de ferro.

Amanhã provavelmente Gigio e Dantas formarão a nova dupla, mas é claro, só enquanto Helder estiver de férias.

Alexandre Jubert não é maluco de perder Helder para Eduardo Carlos, pois junto perderia metade das assinaturas do Jornal Correio para o Jornal da Paraíba.

É que o camarada Moura desperta amor e ódio e ficaria difícil abrir o Correio sem ele por lá para fazer o contraponto.

Só não entendi se Helder ficará 30 ou 60 dias off. Será que ele volta? Por gentileza, cartas, torpedos, emails e telefonemas para o Sistema Correio.

Você quer que Helder volte?