Fale Conosco

O pré-candidato do PSD de Campina Grande, Bruno Cunha Lima, que é cunhado do diretor clínico do Hospital Pedro I, Tito Lívio Vieira de Souza Cavalcanti, afirmou durante a convenção do seu partido que homologou o seu nome como candidato à Prefeitura de Campina Grande que seria contrário a indicações de comissionados em troca de apoio político. Mas foi o cunhado de Bruno que que recebeu pagamentos que totalizaram R$ 72.300 da unidade de Saúde com a própria empresa referentes ao pagamento de plantões

“Me foi posto na mesa a oportunidade receber adesões em troca da nomeação de secretário de Saúde. Eu disse que jamais teria coragem de colocar a saúde das pessoas na mesa em troca de apoio político”, disse Bruno durante a convenção. Resta saber qual a opinião de Bruno em relação aos pagamentos feitos pelo Hospital Pedro I para a empresa do cunhado.